3.4.06

Curta Internacional # 22 (+ esboço)

A única curta para esta “Semana Internacional" ilustra a recente detenção do ex-presidente liberiano Charles Taylor para ser julgado por crimes de guerra e contra a humanidade perpetrados na Serra Leoa pelos rebeldes do RUF, que apoiava. Estes ficaram conhecidos, entre outras atrocidades, pela sua política de cortar mãos, pés e narizes aos supostos simpatizantes do governo, entre os quais se encontravam mulheres e crianças...

2 comments:

Flashfinger said...

Ao contrário do que o Senhor Richard Câmara deseja implicar, o senhor Charles Taylor não foi um criminoso, mas um homem que estava no seu direito de se defender dos seus inimigos. Além de ter sido um excelente homem de negócios, que fomentou grandes mudanças e felicidades nos mercados de armas, ouro, madeira, e de diamantes, quem sabe se em algumas "lojas" lusitanas...

Anonymous said...

Como se cortar mãos e narizes a homens (e não a mulheres) fosse menos grave...