1.9.09

Sketching in Lisbon - July 2009 #7

Cada cidade tem a sua personalidade. E Lisboa como qualquer outra tem também a sua, independentemente de gostarmos de a ver mais revivalista, modernista ou "modernaça". Esta esquina de um dos muitos edifícios anónimos que podemos encontrar nesta e noutras avenidas, faz-me lembrar uma certa Lisboa que não se pode confundir com nenhuma outra cidade no mundo. Por muitos diários gráficos que se desenhem... :)
---
Each city has its personality. And Lisbon also has its own, regardless of the architectural styles you might fancy. This anonymous building´s corner, for instance, reminds me of a certain Lisbon that one cannot get mistaken with any other city in the world. For as many sketchbooks as you might draw… :)

6 comments:

Ana Campogrande said...

Lisboa surpreende-nos sempre e o Richard também, que bom andar por aqui!
Ana m Salta

Fiona Nunes said...

Adorei o desenho e as cores :-)
Bjs, Fiona

Anonymous said...

.....juntamos os dois àq esquina, a tocar a concertina e a dançar o "sólidó" (Sol e Dó).

Os lugares tem «alma» e a de Lisboa
tem aquela "qualquer coisa" que a distingue - os edifícios, a côr, a luz, as gentes, os cheiros e sons, enfim um TODO inigualável que amamos. E tu, Richard, captàste um pouco disso no teu desenho - a sugestão está lá, quase se ouve um fado em fundo.
Abraços e... feliz 5 de Setembro (não é?).
Pedrosa

Richard Câmara said...

Obrigado aos 3 :)

Fico contente por saber que este desenho também reflete à sua maneira um pouco da minha visão da cidade.

Um abraço

Antònia GT said...

É verdade, Lisboa é muito inspiradora, com todos esses recantos únicos...
E este desenho faz justiça! gosto imenso!
bjs

Richard Câmara said...

Olá Antònia :)

Eu diria mesmo que, Lisboa é 10% de "inspiração" e 90% de "transpiração"!!! Sobretudo quando andas a pé pela cidade subindo e descendo colinas, umas atrás das outras ;)))
Um bj