13.2.08

PRINCESS AND THE FROG

Cinco anos de karate, quatro de boxe e nove de judo… COMO É QUE É POSSÍVEL TER ACABADO A DESENHAR PRINCESINHAS E SAPOS ENCANTADOS?!? (mais explicações muito em breve…)
---
Cinco años de karate, cuatro de boxeo y nueve de judo… ¿¡¿CÓMO ES POSIBLE QUE HAYA TERMINADO DIBUJANDO PRINCESITAS CURSIS Y RANAS ENCANTADAS?!?
(más explicaciones muy en breve…)
---
Five years of karate, four of boxing and nine of judo... HOW IS IT POSSIBLE THAT I END UP DRAWING CUTE LITTLE PRINCESSES WITH ENCHANTED FROGS?!?
(more developments to come…)

19 comments:

Maria E. said...

Alternative Valentine's Day card I would say... A princess and a frog wrestling. HAHA! :)

Leonor said...

Beeeem... eu tinha medo duma princesa assim. Tem cara de possessiva ;)
Fiquei curiosa.
Beijos e saudades de Lisboa,

Leonor

António Sabão said...

Publicidade ao sapo ADS...Ela?

Filipe Neves said...

Bem... confesso que esse historial de desportos de combate/defesa pessoal não liga lá muito com a temática da princesa e do sapo encantado.
Grande abraço,
Filipe.

Erik J. said...

Sitting in the sauna staring at your hairy chest I knew for sure there is something less scary deep inside of you...princesses and frogs...I´m not surprised

Richard Câmara said...

Hej hej Maria!! Wrestling? Didn´t draw it thinking about it, but then again, why not!? :)

Viva! Leonor! Seja bem aparecida! Eu diría mesmo que para além de possessiva é também ciumenta... Bjs!

Bom dia António! Não, não é publicidade e ainda por cima há mais sapos a caminho... estes, também fáceis de engolir :D

Olá Filipe! Nem imaginas o que é preciso saber para se sobreviver ao mundo femenino... Todas as artes de defesa pessoal são bem-vindas! Um abraço!

Erik: NO COMMENTS... Ahahahahah!!! Take care, man ;)

mary said...

muito bom! still trying to find my frog ;)
kiss kiss mary

Yunseon Maria said...

hmmm, essa cara não me é estranha... Fez logo lembrar da Cristina. E o frog, deve ser alguém, não é?

Anonymous said...

Então a Princesa «sacode» o sapo desta maneira à espera que ele se transforme em Principe?
Parece brutalidade feminina e volência doméstica.
Se essa princesa não sabe que é com "beijinhos" que se «apanham» sapos, está feita... acaba por ficar só ou procura outra Princesa como ela...
abrç
Jacinto P.

Anonymous said...

ESPANTOSO DESENHO...Especialmente a cor e o pormenor do anel nos dedos de ambos!
Gostei bastante!
Agora espero pela surpresa nos próximos dias.

Tania Maria

Richard Câmara said...

Hi Mary!
Obrigado, but watch out: more important than finding (or be found by) the frog that will become a prince, is to avoid transforming your prince back to a frog!
;)

Bom dia Yunseon :)
Por acaso tens razão... há algumas semelhanças entre a princesa e a Cristina... Agora quanto ao "frog", só o podemos saber depois de que receba o beijinho :)
Até Março, em Lisboa!

Olá Pedrosa :D
Obrigado por mais esta visita ao meu blog. Ainda não tenho a certeza se a Princesa está a sacudir ou a arrastar o sapo... Desconfio que para o "apanhar", mais do que com beijinhos, usou os anéis que levam nos dedos... a caminho do altar?!
Um grande abraço e um beijinho à Gisa

Viva Tânia!!
Sempre atenta aos pormenores :)
E já reparaste que esta princesa leva uma destas faixas cruzadas como as "misses" dos concursos de beleza?...
Um beijinho e até breve!

Helga said...

Bom dia, Richard.

Eu ainda não tive o prazer de conhecer a cristina, mas pela descrição dos nossos Amigos Olivier e Rita e agora vendo este teu trabalho assim como os comentários, será esta a imagem que irei reter em minha memória da menina dos olhos doce e azuis, que dizem ser tão simpática.

Bjh das Olaias!!!

LM, paris said...

BONJOUR RICHARD!
A princesa é um mimo, estou a vê-la a lançar a ra com muita energia como se fosse um manto...pra o outro lado, num passe de karaté justo!Vlam, poum, zag, como nos desenhos animados e quando ele jà visse estrelas...um beijinho e plouf, ele transformava-se em princepe sumo, que adora sushis e tem um " coup de foudre " pela enegértica princesinha, que com caracter, lhe prepara os rolinhos de peixe cru. Acaba bem, ela em perfeita gueisha, queima com algumas lagrimas a carta do grupo feminista, mas nao se pode ter tudo neste mundo...
de tanto comer sushis, de tanto preparar peixe cru, a princesinha tranforma-se em sereia e o sumo...come-a?
Nao, poe-a num lago, vai pra monge e na metamorfose completa, a princesinha faz bolinhas na agua e ele, nao se lembra que um so beijo pode mudar a vida de um ser humano!
beijos, lidia
cuidado com eles...

el gran popof said...

Está genial tu trabajo

Richard Câmara said...

Helga!! Bons olhos a vejam :D
Nós é que agradecemos a simpatía. Pode ser que esse encontro esteja para breve... Bjs!

Bonjour Lídia!
Mas que fantástico argumento!!! Esta princesa e o seu aparentemente maltratado sapo já têm uma história para contar, mas sempre que precisares de quem dê forma e cor aos teus textos, por favor, conta comigo!!!!
Besos de Madrid!!

¡Hola "El gran popof"!
Gracias por tu visita y comentario. Espero que mis próximos dibujos te gusten igualmente ;)

LM,paris said...

olà richard, quand tu veux, fonce!
Quand tu pourras fais un tour dans mon blog, j'écris en ce moment,
de petits contes autour de 86 signes...dis-moi ce que tu penses.J'ai fait une impro avec une frog..." would you like to kiss my prince?
Is it a prince? Is it a froG,
Is it a prince gay frog?
Who cares? I DO!"
C'est compliqué si après un baiser de cinéma entre la frog et la princesse, tourne à la décéption et a l'impossible accomplissement de
leur amour!
Mais bon, ils resteront copains et confidents!
bises, j'adore tes dessins!
lidia

josé louro said...

Os comentários neste blog são uma delícia.
Parabéns pelo trabalho e pela generosa divulgação.
Abraço.

Rita Dias said...

Pobre sapo...lembra-me a relação entre a miss Piggy e o Kermit.

Richard Câmara said...

Olá José Louro :)
Eu é que agradeço pela tua visita e constante interesse no meu trabalho. E como sei que é um dos teus temas de eleição, em breve haverá mais notícias sobre diários gráficos...
Um abraço!

Viva Rita!
Não sabendo se este é o caso, posso-te dizer que essa típica relação de amor/ódio é a que mantém a "chama" acesa... :D
Um beijinho!